Páginas

sexta-feira, 29 de junho de 2012

HINO ETERNO NACIONAL

Pra Não Dizer Que Não Falei Das Flores

Geraldo Vandré

Caminhando e cantando
E seguindo a canção
Somos todos iguais
Braços dados ou não
Nas escolas, nas ruas
Campos, construções
Caminhando e cantando
E seguindo a canção

Vem, vamos embora
Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora
Não espera acontecer

Pelos campos há fome
Em grandes plantações
Pelas ruas marchando
Indecisos cordões
Ainda fazem da flor
Seu mais forte refrão
E acreditam nas flores
Vencendo o canhão

Vem, vamos embora
Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora
Não espera acontecer

Há soldados armados
Amados ou não
Quase todos perdidos
De armas na mão
Nos quartéis lhes ensinam
Uma antiga lição:
De morrer pela pátria
E viver sem razão

Vem, vamos embora
Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora
Não espera acontecer

Nas escolas, nas ruas
Campos, construções
Somos todos soldados
Armados ou não
Caminhando e cantando
E seguindo a canção
Somos todos iguais
Braços dados ou não

Os amores na mente
As flores no chão
A certeza na frente
A história na mão
Caminhando e cantando
E seguindo a canção
Aprendendo e ensinando
Uma nova lição

Vem, vamos embora
Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora
Não espera acontecer



Composição: Geraldo Vandré
Legendado por rebeca_salvino

INESQUECÍVEL


Disparada

Geraldo Vandré

Prepare o seu coração
Prás coisas
Que eu vou contar
Eu venho lá do sertão
Eu venho lá do sertão
Eu venho lá do sertão
E posso não lhe agradar...

Aprendi a dizer não
Ver a morte sem chorar
E a morte, o destino, tudo
A morte e o destino, tudo
Estava fora do lugar
Eu vivo prá consertar...

Na boiada já fui boi
Mas um dia me montei
Não por um motivo meu
Ou de quem comigo houvesse
Que qualquer querer tivesse
Porém por necessidade
Do dono de uma boiada
Cujo vaqueiro morreu...

Boiadeiro muito tempo
Laço firme e braço forte
Muito gado, muita gente
Pela vida segurei
Seguia como num sonho
E boiadeiro era um rei...

Mas o mundo foi rodando
Nas patas do meu cavalo
E nos sonhos
Que fui sonhando
As visões se clareando
As visões se clareando
Até que um dia acordei...

Então não pude seguir
Valente em lugar tenente
E dono de gado e gente
Porque gado a gente marca
Tange, ferra, engorda e mata
Mas com gente é diferente...

Se você não concordar
Não posso me desculpar
Não canto prá enganar
Vou pegar minha viola
Vou deixar você de lado
Vou cantar noutro lugar

Na boiada já fui boi
Boiadeiro já fui rei
Não por mim nem por ninguém
Que junto comigo houvesse
Que quisesse ou que pudesse
Por qualquer coisa de seu
Por qualquer coisa de seu
Querer ir mais longe
Do que eu...

Mas o mundo foi rodando
Nas patas do meu cavalo
E já que um dia montei
Agora sou cavaleiro
Laço firme e braço forte
Num reino que não tem rei

Composição: Geraldo Vandré e Theo de Barros
Legendado por billcordeiro

ESPECIAL: GERALDO VANDRÉ QUEBRA O SILÊNCIO APÓS 37 ANOS E FALA DA DITADURA

ESPECIAL GLOBO NEWS!

NEGRO À FLOR DA PELE


Brilho de Beleza

Gal Costa

O negro segura a cabeça com a mão e chora
E chora, sentindo a falta do rei
O negro segura a cabeça com a mão e chora
E chora, sentindo a falta do rei

Quando ele explodiu pelo mundo
Ele lançou seu brilho de beleza
Bob Marley pra sempre estará
No coração de toda a raça negra
Quando Bob Marley morreu
Foi aquele chororô na Vila Rosenval
Muzemza trazendo Jamaica
Arrebentando nesse carnaval

Adeus não, me diga até breve
Adeus não, eu sou muzemza do reggae
Adeus não, me diga até breve
Adeus não, eu sou muzemza do reggae

Composição: Negro Tenga
Enviada por Kauêh

quinta-feira, 28 de junho de 2012

HISTÓRICA

 
ANUNCIAÇÃO - Alceu Valença
 
Na bruma leve das paixões
Que vêm de dentro
Tu vens chegando
Prá brincar no meu quintal
No teu cavalo
Peito nu, cabelo ao vento
E o sol quarando
Nossas roupas no varal...

A voz do anjo
Sussurrou no meu ouvido
Eu não duvido
Já escuto os teus sinais
Que tu virias
Numa manhã de domingo
Eu te anuncio
Nos sinos das catedrais...

Tu vens, tu vens
Eu já escuto os teus sinais
Tu vens, tu vens
Eu já escuto os teus sinais...


A voz do anjo
Sussurrou no meu ouvido
Eu não duvido
Já escuto os teus sinais
Que tu virias
Numa manhã de domingo
Eu te anuncio
Nos sinos das catedrais...

Tu vens, tu vens
Eu já escuto os teus sinais
Tu vens, tu vens
Eu já escuto os teus sinais...

eh.. eh... eh...


http://www.vagalume.com.br/victor-leo/anunciacao.html#ixzz1z7IhUITm

ÉPOCA BOA..


A Matter Of Feeling

How does it feel when everyone surrounds you
How do you deal the crowds just make you feel lonely
What do you say when people're gonna try to pin you down

Acquiantences smile but there's no understanding
How after awhile you keep falling off the same mountain
Try to explain it but nothing really gets them that high

Steal away in the morning love's already history to you
It's a habit you're forming this body's despearate for something new
Just a matter of feeling this moments madness's sure to pass
And tears will dry as you're leaving who knows you might find something to last

Emotion's a game saved up for a rainy Monday
But your laughter's the same cause it's been pouring on Sunday
Call up your numbers never let the zeros bring you down

How does it feel as time too heavy to hold
Whatever you desire for the moment is holy
Whenever you slow down to see life is passing by

Steal away in the morning love's alredy history to you
It's a habit you're forming this body's despearate for something new
Just a matter of feeling this moments madness's sure to pass
And tears will dry as your're leaving who knows you might find something to last

You can steal away in the morning love's already history to you
It's a habit you're forming this body's despearate for something new
Just a matter of feeling this moments madness's sure to pass
And tears will dry as you're leaving who knows you might find something to last

Oh, oh a matter of feeling, oh a matter of feeling
When it comes you're still away, a matter of feeling
When it comes you're still away, a matter of feeling
You know your tears run dry matter of feeling

Uma Questão de Sentimento

Como é a sensação quando todo mundo te rodeia?
Como você lida com isso? As multidões te fazer se sentir só?
O que você diz quando as pessoas vêm tentar te obrigar a se definir?

Os conhecidos sorriem, mas não há nenhuma compreensão nisso
Como, depois de algum tempo, você continua a cair da mesma montanha?
Tente explicar isso, mas nada realmente chega tão alto assim

Saia sorrateiramente de manhã, o amor já é passado para você
É um hábito que você está criando, este corpo desesperado por algo novo
Apenas uma questão de sentimento; Esses momentos de loucura certamente vão passar
E as lágrimas secarão enquanto você parte; Quem sabe, você pode achar algo que dure

A emoção é um jogo, guardado para uma segunda chuvosa
Mas você ri do mesmo modo, pois caiu um toró no domingo
Ligue para seus números, nunca deixe os zeros te colocarem pra baixo

Como é a sensação? O tempo é pesado demais para segurar?
O que quer que você decida no momento é sagrado
Sempre que você desacelera para ver a vida passar

Saia sorrateiramente de manhã, o amor já é passado para você
É um hábito que você está criando, este corpo desesperado por algo novo
Apenas uma questão de sentimento; Esses momentos de loucura certamente vão passar
E as lágrimas secarão enquanto você parte; Quem sabe, você pode achar algo que dure

Você pode sair sorrateiramente pela manhã, o amor já é passado pra você..
É um hábito que você está criando, este corpo desesperado por algo novo
Apenas uma questão de sentimento; Esses momentos de loucura certamente vão passar
E as lágrimas secarão enquanto você parte; Quem sabe, você pode achar algo que dure

Oh, oh questão de sentimento, oh questão de sentimento
Quando ele vem você ainda está longe, questão de sentimento
Quando ele vem você ainda está longe, questão de sentimento
Você sabe que suas lágrimas secam, questão de sentimento



Composição: Duran Duran
Traduzida por gborn
Legendado por Fuemi kawaii ®* .

segunda-feira, 25 de junho de 2012

PARABENS JOÃO PELOS 40 ANOS DE CARREIRA BRILHANTE!


13/06/2012 - 19h30

DVD comemora 40 anos de carreira de João Bosco

da Livraria da Folha

A edição comemorativa "João Bosco - 40 Anos Depois" reúne sucessos de seu repertório e convidados como Chico Buarque, Milton Nascimento, João Donato, Roberta Sá, Toninho Horta, Trio Madeira Brasil e Cristóvão Bastos.

Siga a Livraria da Folha no Twitter
Conheça nossa página no Facebook
Visite a página dedicada aos shows

Por sua contribuição à cultura, João Bosco é o homenageado do 23º Prêmio da Música Brasileira. Na premiação deste ano, há o concurso "Vale Cantar João Bosco".

Faixas:

Divulgação
Novo DVD comemora os 40 anos de carreira do músico João Bosco
Novo DVD comemora os 40 anos de carreira do músico João Bosco
1. Agnus Sei
2.Plataforma
3.Fotografia
4.Tanajura
5.Eu não sei seu nome inteiro
6.De Frente pro Crime
7.Lilia 8.Dona Carola
9.Pra que Mentir
10.Bodas de Prata
11.Trem Bala
12.Jimbo no Jazz
13.O Mestre Sala dos Mares
14.Caça à Raposa
15.Ligia
16.Tudo se transformou
17. Da África à Sapucaí
18.Tarde
19.Drume Negrita
20.Bom Tempo
 
 
 
 

20/06/2012 08h37 - Atualizado em 20/06/2012 08h37

Cantores fazem homenagem a João Bosco no Teatro Arthur Azevedo

Djalma Chaves levantou o público no Prêmio da Música Brasileira.
Show foi uma versão itinerante da mais importante premiação musical do país.

Do G1 MA com informações da TV Mirante

1 comentário

Em noite de gala no Teatro Arthur Azevedo, músicos prestam homenagens ao cantor e compositor João Bosco, vencedor da vigésima edição do Prêmio da Música Brasileira.

O show foi uma versão itinerante da mais importante premiação musical do país. Cantores subiram ao palco do teatro para relembrar os sucessos do cantor, compositor e violonista João Bosco que faz 40 anos de carreira e foi o grande homenageado do prêmio que aconteceu semana passada, no Rio de Janeiro.

As canções do mineiro que compôs sambas, baladas românticas e músicas com temas sociais ganharam vozes de várias gerações. O cantor Péricles, ex-integrante do Exaltasamba, ficou à vontade interpretar o lado sambista do homenageado.

Mariana Aydar mostrou canções da fase que João Bosco teve como companheiro de composição um dos grandes parceiros, Aldir Blanc. O público também conheceu um pouco da vida do cantor mineiro, apresentada pelo ator Murilo Rosa. Teve ainda um convidado maranhense. Djalma Chaves entrou no clima e levantou o público. O show ganhou a voz consagrada de Leila pinheiro que interpretou a variedade sonora da obra de João Bosco.

CENTENÁRIO DE GONZAGÃO - O GRANDE LUA!

 
24/06/2012 às 10:42
  | ATUALIZADA EM: 24/06/2012 ÀS 10:45 | COMENTÁRIO (0)

Discografia de Luiz Gonzaga ganha reedição completa

Da Redação

Divulgação
Pacote soma 58 discos de Luiz Gonzaga
Pacote soma 58 discos de Luiz Gonzaga

A discografia completa do rei do baião Luiz Gonzaga ganhará uma reedição completa, segundo informou a gravadora Sony Music, dona dos direitos autorais da obra do músico.

Ainda sem data definida para chegar às lojas (a ideia é que o mercado comece a receber os primeiros lotes dos álbuns a partir de setembro), o projeto faz parte das comemorações do centenário do compositor, celebrado em 13 de dezembro deste ano.

A reedição da discografia será baseada no catálogo da RCA, selo que pertence a Sony e pelo qual Gonzaga lançou a maior parte de sua obra. A Sony negocia também com a EMI o licenciamento dos álbuns que o músico pernambucano produziu pela gravadora Odeon.

O pacote somará 58 discos, sendo 15 ainda inéditos em CD, como os trabalhos "Sertão 70" (1971), "São João Quente" (1972) e" Luiz Gonzaga e Fagner" (1984).

Além do relaçamento dos álbuns para comemorar o centenário de nascimento de Gonzagão, a Sony prepara um disco de duetos póstumos, em que artistas vivos vão interpretar em cima de gravações deixadas pelo cantor.

 

 

 

domingo, 24 de junho de 2012

E AÍ?

Vamos Fazer um Filme

Legião Urbana

Achei um 3x4 teu e não quis acreditar
Que tinha sido há tanto tempo atrás
Um bom exemplo de bondade e respeito
Do que o verdadeiro amor é capaz
A minha escola não tem personagem
A minha escola tem gente de verdade
Alguém falou do fim-do-mundo,
O fim-do-mundo já passou
Vamos começar de novo:
Um por todos, todos por um

O sistema é mau, mas minha turma é legal
Viver é foda, morrer é difícil
Te ver é uma necessidade
Vamos fazer um filme

O sistema é mau, mas minha turma é legal
Viver é foda, morrer é difícil
Te ver é uma necessidade
Vamos fazer um filme
E hoje em dia, como é que se diz: "Eu te amo."?
E hoje em dia, como é que se diz: "Eu te amo."?

Sem essa de que: "Estou sozinho."
Somos muito mais que isso
Somos pingüim, somos golfinho
Homem, sereia e beija-flor
Leão, leoa e leão-marinho
Eu preciso e quero ter carinho, liberdade e respeito
Chega de opressão:
Quero viver a minha vida em paz
Quero um milhão de amigos
Quero irmãos e irmãs
Deve de ser cisma minha
Mas a única maneira ainda
De imaginar a minha vida
É vê-la como um musical dos anos trinta
E no meio de uma depressão
Te ver e ter beleza e fantasia.

E hoje em dia, como é que se diz: "Eu te amo."?
E hoje em dia, como é que se diz: "Eu te amo."?
E hoje em dia, como é que se diz: "Eu te amo."?
E hoje em dia, vamos Fazer um filme
Eu te amo
Eu te amo
Eu te amo

O QUE A LEITURA PODE FAZER POR VOCÊ?


terça-feira, 12 de junho de 2012

FELIZ DIA DOS CASADOS-NAMORADOS-FAMÍLIA

Tudo começou assim...



Se Você Quiser Vai Ser Assim



Aviões do Forró



Se você quiser vai ser assim

Me ame mas me deixe livre

Se você quiser o meu amor

Fique mas não chore por favor



Quem disse que eu preciso de um amor assim?

Que pega no meu pé, que quer mandar em mim

Que quer prender as rédeas do meu coração

Que corta as minhas asas se eu quiser voar

E eu não tenho tempo nem de me explicar

Que morre de ciumes se eu quiser sair

Que quer adivinhar até meus pensamentos



Quem disse que eu preciso de um amor assim?

Eu sou um bicho solto, sou um furacão

E longe dos seus olhos sou um gavião

Eu disse pra você quando me conheceu

Eu não sou de ninguém e nunca serei seu

Ainda não nasceu mulher pra me amarrar

E me deixar igual a um bobo apaixonado



Se você quiser vai ser assim

Me ame mas me deixe livre

Se você quiser o meu amor

Fique mas não chore por favor


E hoje não é apenas uma, mas dois, aliás 3 amores...Cada um com sua individualidade,importância,incondicionalidade e presença.Não o que pode se pensar em mundo onde as aparências falam mais alto em que ser garanhão é status de presença e existência mas de um valor raro chamado família, que extrapola laços de sangue e atinge o nível do espírito e da lei da afinidade.
Um grande beijo no coração de meus três amores,uns diários outros finais de semana.
E claro,minha família que já vinha comigo ao longo destes 39 anos continua sempre cada vez melhor e se soma a esta nova benção em forma de quarteto: Eu,Glorinha,Pedrinho e Davizinho.

Cuide Bem Do Seu Amor



Os Paralamas do Sucesso


A vida sem freio me leva, me arrasta, me cega

No momento em que eu queria ver

O segundo que antecede o beijo

A palavra que destrói o amor

Quando tudo ainda estava inteiro

No instante em que desmoronou

Palavras duras em voz de veludo

E tudo muda, adeus velho mundo

Há um segundo tudo estava em paz

Cuide bem do seu amor

Seja quem for,

Cuide bem do seu amor

Seja quem for...

E cada segundo, cada momento, cada instante

É quase eterno, passa devagar

Se o seu mundo for o mundo inteiro

Sua vida, seu amor, seu lar

Cuide tudo que for verdadeiro

Deixe tudo que não for passar

Palavras duras em voz de veludo

E tudo muda, adeus velho mundo

Há um segundo tudo estava em paz

Cuide bem do seu amor

Seja quem for,

Cuide bem do seu amor

Seja quem for...

Palavras duras em voz de veludo

E tudo muda, adeus velho mundo

Há um segundo tudo estava em paz

Cuide bem do seu amor

Seja quem for,

Cuide bem do seu amor

Seja quem for...




sábado, 9 de junho de 2012

PERÍODO DE OURO MUSICAL


Dancing Queen

ABBA

You can dance
You can jive
Having the time of your life
See that girl
Watch that scene
Dig in the Dancing Queen
Friday night and the lights are low
Looking out for a place to go
Where they play the right music
Getting in the swing
You come to look for a King
Anybody could be that guy
Night is young and the music's high
With a bit of rock music
Everything is fine
You're in the mood for a dance
And when you get the chance...
You are the Dancing Queen
Young and sweet, only seventeen
Dancing Queen
Feel the beat from the tambourine. Oh Yeah!
You can dance
You can jive
Having the time of your life
See that girl
Watch that scene
Dig in the Dancing Queen
You're a teaser, you turn them on
Leave them burning and then you're gone
Looking out for another, anyone will do
You're in the mood for a dance
And when you get the chance...
You are the Dancing Queen
Young and sweet, only seventeen
Dancing Queen
Feel the beat from the tambourine Oh Yeah!
You can dance
You can jive
Having the time of your life
See that girl
Watch that scene
Dig in the Dancing Queen
Dig in the Dancing Queen...

sábado, 2 de junho de 2012

TERAPIA DE CASAIS ONLINE


Todo Amor Que Houver Nesta Vida

Cássia Eller


Eu quero a sorte de um amor tranqüilo
Com sabor de fruta mordida
Nós, na batida, no embalo da rede
Matando a sede na saliva
Ser teu pão, ser tua comida
Todo amor que houver nessa vida
E algum trocado pra dar garantia
Solo:

E ser artista no nosso convívio
Pelo inferno e céu de todo dia
Pra poesia que a gente nem vive
Transformar o tédio em melodia...
Ser teu pão, ser tua comida
Todo amor que houver nessa vida
E algum veneno anti-monotonia...

E se eu achar a tua fonte escondida
Te alcanço em cheio
O mel e a ferida
E o corpo inteiro feito um furacão
Boca, nuca, mão e a tua mente, não
Ser teu pão, ser tua comida
Todo amor que houver nessa vida
E algum remédio que me dê alegria...
Solo:
Ser teu pão, ser tua comida
Todo amor que houver nessa vida
E algum trocado pra dar garantia
E algum veneno anti-monotonia...
E algum


Composição: Cazuza / Frejat

SE RELACIONANDO COM MATURIDADE E DESAPEGO


Quase um Segundo

Composição: Herbert Vianna

CANTADA POR CAZUZA,PARALAMAS DO SUCESSO,LEONI,entre outros.
Eu queria ver no escuro do mundo
Aonde está o que você quer
Pra me transformar no que te agrada
No que me faça ver
Quais são as cores e as coisas pra te prender
Eu tive um sonho ruim e acordei chorando
Por isso eu te liguei
Será que você ainda pensa em mim?
Será que você ainda pensa?
Ás vezes te odeio por quase um segundo
Depois te amo mais
Teus pêlos, teu gosto, teu rosto, tudo
Tudo que não me deixa em paz
Quais são as cores e as coisas pra te prender?
Eu tive um sonho ruim e acordei chorando
Por isso eu te liguei
Será que você ainda pensa em mim?
Será que você ainda pensa?


TERAPIA DO PERDÃO PARA COM OS FRACOS E COVARDES,E OUTROS!


Blues da Piedade

Cazuza

Agora eu vou cantar pros miseráveis
Que vagam pelo mundo derrotados
Pra essas sementes mal plantadas
Que já nascem com cara de abortadas
Pras pessoas de alma bem pequena
Remoendo pequenos problemas
Querendo sempre aquilo que não têm
Pra quem vê a luz
Mas não ilumina suas minicertezas
Vive contando dinheiro
E não muda quando é lua cheia
Pra quem não sabe amar
Fica esperando
Alguém que caiba no seu sonho
Como varizes que vão aumentando
Como insetos em volta da lâmpada
Vamos pedir piedade
Senhor, piedade
Pra essa gente careta e covarde
Vamos pedir piedade
Senhor, piedade
Lhes dê grandeza e um pouco de coragem
Quero cantar só para as pessoas fracas
Que tão no mundo e perderam a viagem
Quero cantar o blues
Com o pastor e o bumbo na praça
Vamos pedir piedade
Pois há um incêndio sob a chuva rala
Somos iguais em desgraça
Vamos cantar o blues da piedade
Vamos pedir piedade
Senhor, piedade
Pra essa gente careta e covarde
Vamos pedir piedade
Senhor, piedade
Lhes dê grandeza e um pouco de coragem