Páginas

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

LQM HOMENAGEIA TIMBALADA

Não se tem dúvida de que a melhor fase desta Banda que vai muito além dos cantores que ficam a frente,foi na sua fase inicial com Xexéu,Patrícia Gomes e Ninha.
Passado algum tempo vieram novos cantores masculinos e femininos mas nunca a Timbaalda perdeu suas características,suas raízes movida a um som contagiante,rico originado a partir da criatividade de Carlinhos Brown que com seu talento e inteligência achava sons onde menos se imaginava. Preporantemente feito por Timbaus e acompanhado de saxofones ,o som deste Grupo Baiano arrasta multidões,arrepia e empolga.Embora o líder Brown não esteja mais a frente de sua criação,o Candeal tem muito do que se hornar desta marca hoje de proporção mundial.










Grite se quiser gritar
Tá melada de dendê
No cachinho dessa timbalada
Puxa que é teu

No passinho dessa timbalada
Minha princesa

Venho aqui para mostrar
Toneladas de desejo
Do xerém dessa timbalada
Nunca se esqueça

Pro caminho dessa timbalada
Puxa Tête

Viver , valer
O som nos levar
De parangolé pra lá
Vem dizer me que amar é
Hum, hum , hum....

Vem ver, valer
O som nos levar
De parangolé pra lá
Vem dizer que a amar é
Uôu, uôu...

Leva, leva, leva
Leva a levada do timbal, au, au .x2

Fique se quiser ficar
Tô gostando de saber
Que passeio no teu sorriso
Você me vê

Que tolice é o destino
Sem girar bem

Tens os lábios de favo
Por favor, ainda não sei
Cada noite é um vestido
Que o dia tem

Quando o dia tira o vestido
O sono vem...

(refrão)

E hoje.......Hei
Tô feliz é de lhe ver.........Hei
Com dinheiro ou sem dinheiro.........Hei
Eu me viro em fevereiro

E hoje.......Hei
Tô feliz é de lhe ver.........Hei
Com dinheiro ou sem dinheiro.........Hei
Feve vereiro eu sou....
Fevereiro eu vou...

Leva, leva, leva leva a levada do timbal...













Mimar Você
Timbalada

Eu te quero só pra mim
Você mora em meu coração
Não me deixe só aqui
Esperando mais um verão
Espero meu bem pra gente se amar de novo

Mimar você
nas quatro estações
Relembrar, relembrar
O tempo que passamos juntos
Que bom viver
Andar de mãos dadas na beira da praia
Por esse momento eu sempre esperei.

Lálálálá
Lálálálá
Lálálálá

Se Você Se For
Timbalada

Se você se for
Como vou ficar
É que meu coração,linda (BIS)
Não vai aguentar

Por isso não me faça sofrer
Não me faça lembrar
Da noite que passamos (BIS)
No Candeal a swingar

Não vá á á
Não me deixe nessa solidão
Venha á á (BIS)
Meu brinquedo é cim ti bailar

Vou falar com Zambi
Abraçando a fé
Já gritei na praça
Que te amo
Oh rainha linda
Já é carnaval
E o verão é a causa
Da cor do cacau

Não vá á á...

Quanto riso
Oh quanta alegria
Som de bloco afro no salão
Arlequim está chorando pelo amor da colombina
No meio da multidão.


Camisinha
Timbalada

Fui namorar Sidinha
A camisinha não deu

Vexame
A camisinha não deu (BIS)

Que um tem tesão vigia
Se a camisinha não deu

Vexame
A camisinha não deu (BIS)

Tô na Timbalada
Tô pra badalar
Tá lambendo água
Pra chupar cajá

Sorrir pra ela
É levar pra praia
No meio do samba
Empinar arraia
Azul verde e branca
Sei que ela tem
100 camisinhas
Prá me dar bem

Eu vou, eu vou
Eu vou na gandaia buscar (BIS)
Camisinha

Fui namorar...

Fala: Transe com quem você quiser
Contanto que seja com quem também
Queira transar com você
Mas use camisinha
Respeite o amor
Respeite o sexo
Proteja sua vida
Salve muitas vidas
Use camisinha.

Use a camisinha
Camisinha. (BIS)

Namoro a Dois
Timbalada

Ô lala, ô lala ô lala ô lala
Ô lala, ô lala ô lala ô lala
Ô lala, ô lala ô lal
Ai que coisa boa é cafuné, eta arrepio que me dá
O som da maré o vento, a rede,
O cheiro de mato, um papo bom
A sinfonia dos pássaros, um doce tom
A sinfonia dos pássaros, um doce tom
Um namoro a dois, um barco a velar, ô lala
Um namoro a dois, um barco a velar, ô lala
Ô lala ô lala ô lala, ô lala, ô lala, ô lala
Um calafrio me toma mas o meu amor é forte demai
Tem febre de desejo e vai e vem na rede eu adormeço, meço
Eu adormeço, ô lala, ô lala, ô lala
Ô lala, ô lala, ô lala, ô lala, ô lala, ô lala
Ô lala, ô lala, ô lala, ô lala, ô lala, ô laa

Margarida Perfumada
Timbalada


Encontrei Margarida perfumada
Como dava risada
Por também me encontrar
Seu olho já me espionava
Indo pra timbalada
Pra me ver timbalar

Margarida no jarro
Margarida do barro
Margarida no carro
Margarida do bairro

Encontrei Margarida chorona
Me pedindo carona
Pronde eu vou, você vai

O meu olho já lhe espionava
Se me faltar palavras
Vou dizer te amar

Venha cá, venha cá
Venha cá, venha cá
Venha cá, venha cá
Venha cá

Purucutum pa pum, pa pum
Purucutum pa pum, pa pum

Papá Papet
Timbalada

Pa papet papet pa
Papet papet pa
Papet papet pa (BIS)
Papet papet pa

Ela cantava pra mim
Eu não ouvia
Ela sorria pra mim
Eu não sabia
Sempre vinha pra mim
Mas eu não ia
Quando eu percebi
Outro alguém já existia

Queria que queria
Era chegar na Timbalada
Pra ver chegar a menina Madalena (BIS)
Ao som da bacurinha
Sacudir a Madalena
Contangiando todos que ali estavam

Pa papet papet pa...



Camafeu
Timbalada


Baila que baila baila
Baila quem embalou (BIS)
O retoque do tambor

Toca,toca timbau
Patusqueiro (BIS)
E olha a virada do Timbau

Lá só não vai eu
Ai ai vem me ver (BIS)
Nesse bala fé
Nesse areré

Baila que baila...

Toca timbau,vem parir o som
Toca timbau no Koriefã
Toca timbau esse toque vem de longe
Toca timbau no Afoxé Filhos de Gandhi

É emoriô
É emoriô (BIS)
Emori paô

Baila que baila...

Axé império D'África
Filhos de Congo
Bdauê
Filhos de Gandhi
Afoxé Ojú Obá
Olorum
Obá Dudu
Muzenza
Ara Ketu
Olodum
Malê de Balê
Diplomata da Amaralina
Ritmistas do Samba
Juventude do Garcia
Filhos do Tororó
Os Tupys
Comanches
Xaiene
Cacique
Apache
E o nosso querido
Ilê Ayê

Baila que baila...

Água Mineral
Timbalada
Composição: Carlinhos Brown


Bebeu água, não!
Tá com sede, tô!

Olha, olha, olha, olha a água mineral

Água mineral

Água mineral

Água mineral

Do Candeal

Você vai ficar legal


A Latinha
Timbalada
Composição: Carlinhos Brown / Alain Tavares


Estamos sabendo que cachaça não é água
Não tem nada
Não tem nada não
Onde há festa cachasafra pra moçada
Pra rapaziada brincar com animação
Nesse suingue
Na farra de curtição
Vou atrás do caminhão
Com minha lata na mão
Loira gelada
Canto para o povo ver
Carnaval, festa de largo
Vou curtir meu bem querer
Eu quero uma latinha
Transbordando você
Eu quero uma latinha
Pra botar o que beber
Ela é livre
Ela é free
Ela é dó
Ela é mi
A Timbalada tá de banda
Tá de bandinha
A Timbalada tá de lata
Tá de latinha
O povo todo tá de banda
Tá de bandinha
O povo todo tá de lata
Tá de latinha


Nenhum comentário: