Páginas

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

ROCK BALADA ANOS 80 ETERNO - LQM HOMENAGEIA LÉO JAIME!

Irreverência,criatividade,inteligência, simpatia e bom humor são alguns dos muitos atributos deste roqueiro brasileiro que eternizou os anos 80 em nossa memória da música popular brasieira: Léo Jaime.
Trajano

Biografia

Participou da formação original do grupo carioca de rockabilly João Penca e Seus Miquinhos Amestrados[1], e saiu do grupo para seguir carreira solo. Foi Leo Jaime que indicou Cazuza à então nascente banda Barão Vermelho, recusando o posto de vocalista[2].

Leo Jaime fez muito sucesso na década de 80, onde emplacou vários hits nas rádios do Brasil, além de fazer trilhas sonoras para filmes e novelas. Seus principais discos solo são Sessão da Tarde e Phoda C. Lançou Todo Amor em 1995, uma obra de intérprete e Ïnterlúdio, em 2008, com canções inéditas.

Como ator, Leo Jaime atuou na telenovela Bebê a Bordo, de 1988, como Zezinho, nos filmes O Escorpião Escarlate, Rádio Pirata, Rock Estrela e As Sete Vampiras e também no teatro, como no musical Vitor ou Vitória, em São Paulo, ao lado de Marília Pêra e no musical Era no Tempo do Rei, baseado na obra de Ruy Castro, interpretando Dom João. [3]

Também escreve para televisão, jornais e revistas. É cronista, autor/redator de textos para programas da televisão como Domingão do Faustão e Megatom, na Globo, e comentarista de futebol no SBT. Suas crônicas foram publicadas nos jornais O Globo e O Dia e nas revistas Desfile e Capricho.






Fonte: Wikipedia,a enciclopédia livre. Visite e ajude a manutenção deste importante site http://pt.wikipedia.org/





A Fórmula Do Amor
Leo Jaime
Composição: Léo Jaime & Kid Abelha


Eu tenho o gesto exato
E sei como devo andar
Aprendi nos livros
Pra um dia usar

Um certo ar cruel
De quem sabe o que quer
Tenho tudo planejado
Pra te impressionar

Luz do fim de tarde
Meu rosto encontra a luz
Não posso compreender
Não faz nenhum efeito

A sua aparição
Será que errei na mão?
As coisas são mais fáceis
Na televisão

Mantenho o passo
Alguém me vê
Nada acontece
Não sei porque
Se eu não perdi
Nenhum detalhe
Onde foi que eu errei?

Ainda encontro
A fórmula do amor
Ainda encontro
A fórmula do amor
Ainda encontro
Oh! Oh! Oh!
A fórmula
A fórmula do amor

Eu tenho a pose exata
Pra me fotografar
Aprendi nos livros
Pr'um dia usar

Um certo ar cruel
De quem sabe o que quer
Tenho tudo programado
Pra te conquistar

Eu tenho um bom papo
E sei até dançar
Não posso compreender
Não faz nenhum efeito

A minha aparição
Será que errei na mão
As coisas são mais fáceis
Na televisão

Mantenho o passo
Alguém nem ve
Nada acontece
Eu não sei porque
Se eu não perdi
Nenhum detalhe
Onde foi que eu errei?

Ainda encontro
A fórmula do amor
Ainda encontro
A fórmula do amor
Ainda encontro
Oh! Oh! Oh!
A fórmula
A fórmula do amor (2x)


As Sete Vampiras
Leo Jaime
Composição: Leo Jaime

Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh!

Eu não descanso
Nem durante o sono
Não consigo
Nem mais dormir
E onde quer que eu vá
Em qualquer lugar
Elas estão a me seguir
Não descanso
Nem durante o sono
Eu não consigo
Nem mais dormir
E onde quer que eu vá
Em qualquer lugar
Elas estão a me seguir...

São sete garotas
Me paquerando o dia inteiro
Seja no trabalho
No carro ou no banheiro
As sete garotas
Tremenda confusão...

Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh!

Mas elas querem meu carinho
E o meu amor, eh!
Elas querem o meu sangue
E o meu calor
São como vampiras
Numa fita de terror
Elas querem o meu coração
Mais isso eu não dou
São como vampiras
Numa fita de terror
Elas querem o meu coração
Mais isso eu não dou...

Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh!

Mas eu já tenho
Uma pequena
Que eu vou te contar
Ela é mesmo um estouro
E é com ela
Que eu quero ficar...(2x)

Mas o meu broto
Morre de ciúmes
Quando sente em mim
O cheiro de um outro perfume
E ela chora e vai embora...

Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh! Oh! Oh!
Oh! Oh! Oh!

Mas eu só quero seu carinho
Eu quero seu amor
(Só quero seu amor
Só quero seu amor)
Eu só quero o seu sangue
Eu quero seu calor
(Só quero seu calor
Só quero seu calor)
Eu sou como um vampiro
Numa fita de terror
Eu não quero mais
Saber de ninguém
Só quero o meu amor...

Eu sou como um vampiro
Numa fita de terror
-Por acaso alguém viu
Uma vampirinha
Andando por aí?
-(Nãoooo)
Eu não quero mais
Saber de ninguém
Só quero o meu amor
Só quero o meu amor
Só quero o meu amor
Não quero mais saber!
Não quero mais
Saber de ninguém
Só quero o meu amor!
Só quero o meu amor!

Rock Estrela
Leo Jaime
Composição: Léo Jaime


Quem sou eu?
E quem é você?
Nessa história
Eu não sei dizer
Mas eu acredito
Que ninguém tenha vindo
Pro mundo a passeio...

De onde se vem?
Prá onde se vai?
Só importa saber prá quê
Prá quem?
Pois o destino
Transforma num dia
Um menino em herói de TV...

Um dia a gente se encontra
No meio do mundo
Depois a gente se perde
No meio de tudo
Yeah! Yeah!

Rock Estrela!
Rock Estrela!
Oh! Oh!
Rock Estrela!
Rock Estrela!
Yeah! Yeah! Yeah!

Quem sou eu?
E quem é você?
Nessa história
Eu não sei dizer
Mas eu acredito
Que ninguém tenha vindo
Pro mundo a passeio...

De onde se vem?
Prá onde se vai?
Só importa saber prá quê
E prá quem?
Pois o destino
Transforma num dia
Um menino em herói de TV...

Enquanto a gente pensa
Que sabe de tudo
O mundo muda de cena
Em menos de um segundo
Yeah! Yeah! Yeah!

Rock Estrela!
Rock Estrela!
Oh! Oh!
Rock Estrela!
Rock Estrela!
Yeah! Yeah! Yeah!

Oh! Oh! Oh!
Rock Estrela!
Rock Estrela!
Yeah! Yeah!
Rock Estrela!
Oh!
Rock Estrela!
Oh! Oh! Oh!
Rock Estrela!
Yeah! Yeah! Yeah!
Rock Estrela!
Yeah! Yeah! Yeah!


Sônia (Sunny)
Leo Jaime
Composição: B.Hebb - Versão: Leo Jaime/ Leandro


Sônia
Não fica me excitando que eu tô de sunga
Sônia
Não arma a tenda agora nós já vamos embora
E vamos combinar a nossa festinha
Essa noite você é minha

Sônia, meu bem, tá todo mundo olhando

Sônia, sempre que eu te vejo eu não durmo
Sônia, e é por você que eu me masturbo
Pensando em você me vem a sensação
Sem perceber eu tô com o "tal" na mão
Sônia, eu te adoro

Sônia, chega mais aqui e fica bem juntinho
Sônia, vamos nessa festa fazer um trenzinho
Você na frente e eu atrás
E atrás de mim um outro rapaz
Sônia, que loucura!

Sônia, eu já deixei de ser aquele bom rapaz
Sônia, você não imagina do que eu sou capaz
Dizem que eu sou um cara legal
Eu transo cunnilingus e sexo anal
Sônia, vou cair de boca

Eu sempre estive à fim e você sabe disso
Eu só quero te comer, não quero compromisso
Sônia, meu amor, eu te amo


Gatinha Manhosa
Composição: Erasmo Carlos
Léo Jaime


Meu bem já não precisa falar comigo dengosa assim
Brigas para depois, ganhar mil carinhos de mim
Se eu aumento a voz você faz beicinho, e chora baixinho
E diz que a emoção dói em seu coração
Já não acredito se você chora dizendo me amar
Sei que na verdade carinhos você quer ganhar

Um dia gatinha manhosa eu prendo você no meu coração
E quero ver você, fazer manha então
Presa no meu coração
Quero ver você, ah

Um dia gatinha manhosa eu prendo você no meu coração
Quero ver você, fazer manha então
Presa no meu coração
Quero ver você

Nenhum comentário: